Recentemente, o Ministério de Direitos Humanos e Segurança Social da China passou a reconhecer como uma profissão os jogadores de eSports. De acordo com o anuncio, o governo chines criou 15 novas profissões regulamentadas e entre elas estão a profissão de jogador profissional e operador de eSports. Esta medida foi sancionada pelo governo para reconhecer as pessoas envolvidas nos esportes eletrônicos como profissionais legítimos.

No entanto, a definição de profissional regulamentado reconhecido pelo governo, exige que o profissional participe de competições, treinamentos e realize análises de dados relacionados aos esportes eletrônicos. Já na profissão de operador, as definições envolvem desde os organizadores de eventos de eSports quanto a influenciadores e streamers.

Além disso, a China é um dos países onde se mais se incentiva a modalidade de esportes eletrônicos. Este reconhecimento é um grande passo dado para o crescimento da modalidade. Por fim, diversos profissionais já tiveram problemas em conseguir vistos e realizar viagens internacionais de trabalho por conta de não terem uma profissão regulamentada.

Qual é a sua opinião a respeito do reconhecimento dos profissionais dos esportes eletrônicos? Acredita em um crescimento exponencial da modalidade? Deixe suas opiniões no espaço de comentários abaixo!