De acordo com o site Motherboard, alguns prestadores de serviço da Microsoft teriam tido acesso aos áudios de usuários de Xbox.

Conforme revelado, alguns trabalhadores ouviram gravações de áudios para melhorar o sistema de comando de voz. Contudo, a gravação só deveria ocorrer a partir do comando “Xbox” ou “Hey Cortana”. Entretanto, não foi o que ocorreu. Os prestadores acabaram ouvindo outras coisas por acidente.

Além disso, foi revelado que as gravações começaram com o Kinect, antes da Cortana, entre 2014 e 2015. Segundo as informações, os áudios não são tão ruins quanto as conversas de ligações do Skype. Eles são na maioria de crianças.

Confira:

“Comandos de Xbox começaram primeiro como uma certa exceção, e aí viraram metade do que fazíamos até virar a maior parte do que fazíamos. As coisas de Xbox eram uma forma de alívio, honestamente.”

“Eram frequentemente os mesmos jogos. Os mesmos DLCs. Os mesmos tipos de comandos. Xbox me dê todos os jogos de graça’ ou ‘Xbox baixe [novo pacote de skin de Minecraft]’ ou o que seja. Com o passar do tempo, começamos a receber menos coisas aparentemente acidentais com a melhoria do sistema”.

Por fim, foi divulgado que a Microsoft está oferecendo uma página de gerenciamento de privacidade. Nela, o usuário pode escolher se seus áudios gravados poderão ser excluídos ou não.