Google e Ubisoft se anunciaram parceiras para desenvolver o “Projeto Agones“. O projeto é baseado na tecnologia de computação em nuvem da Google e será de forte importância para os desenvolvedores de jogos da Ubisoft.

“Agones” significa “competição” em grego e sua tecnologia open source fará alojamento e gestão de servidores dedicados aos jogos multiplayer. O projeto será colocado em contêineres do Google criados para abrir sessões de jogo rapidamente para as partidas.

Esses recipientes, chamados de Kubernetes conseguem abrir e fechar rapidamente uma partida. O projeto Agones também se concentra em servir as necessidades dos desenvolvedores de jogos.

“Agones nos ajuda fornecendo a flexibilidade para executar servidores de jogos dedicados em datacenter otimizados. Isso oferece às nossas equipes mais controle sobre os recursos de que precisam. A colaboração permite combinar a experiência do Google na implantação do Kubernetes em escala com nosso profundo conhecimento de busca em técnicas pipeline e tecnologias de desenvolvimento de jogos”, disse Carl Dionne, um diretor da Ubisoft.

De fato, o projeto pode ter sido desenvolvido para diminuir as queixas dos jogadores por causa do tempos de carregamento de jogos, emparelhamento de jogadores ou instabilidade dos servidores. Afinal a Ubisoft tem muitos títulos multiplayer. Basicamente, Agones simplificará as operações de multiplayer online usando os Kubernetes. Além disso, o projeto também permitirá seu funcionamento em máquinas locais, sem a nuvem.

Em um anúncio oficial do Google foram revelados mais informações sobre o projeto Agones e como está sendo desenvolvido.