Cyberpunk 2077 foi finalmente divulgado oficialmente na E3 2018. No entanto, o roteirista do game retirou um tempo para falar um pouco mais do título.

Humanos modificados

O roteirista Stainslaw Swiecicki concedeu uma entrevista à Revista Oficial do PlayStation no Reino Unido. Stainslaw explicou o que a CD Projekt RED está procurando mostrar através dos humanos modificados no jogo. Segundo ele, o game vai apresentar humanos modificados (melhorados) que buscam o limite de sua identidade mesmo com as modificações.

“Para mim, a coisa mais proeminente é o tema da liberdade e da identidade, de decidir seu próprio caminho”. “É uma necessidade humana procurar uma identidade e algumas pessoas são atraídas pelas gangues, então, embora elas pareçam modificadas, ainda são humanas por baixo disso. Isso toca em um sentimento universal que todos temos, a necessidade de pertencer a um grupo.”, foi o que disse Stainslaw Swiecicki.

Muito tempo até ser finalizado

Além disso, quem também falou sobre o game foi Mike Pondsmit, o criador da franquia. De acordo com ele muitas coisas ainda precisam ser feitas para chegar a perfeição. Sendo assim, levará um pouco mais de tempo para finalizar o game.

“Temos um monte de coisas que queremos fazer, e isso vai tomar tempo. Espero que os fãs nos deem o tempo para fazer isso.”, foi o que disse Mike Pondsmit. Da mesma forma, o criador ainda disse que o jogo estará bem próximo do que ele conseguiria fazer se dedicar muito de seu trabalho nele. Mike conclui que para que o jogo chegue na perfeição será necessária paciência dos fãs.

“Se vamos fazer coisas que nunca foram feitas antes, ou nunca foram feitas da nossa maneira, precisamos de espaço, precisamos de tempo e precisamos de privacidade para trabalhar nisso”.

Cyberpunk 2077 segue sem data de lançamento. Porém, o game já está confirmado em Xbox One, PlayStation 4 e PC.