A Ubisoft anunciou recentemente o novo modo “Tour da Descoberta” para Assassin’s Creed Origins. O que nós não sabíamos era que o novo modo viria com censura para as estátuas do game.

O modo “Tour da Descoberta” proporciona ao jogador a opção de explorar cenários do Egito Antigo podendo conhecer sua cultura e história. O “Tour” possui 75 passeios pelo Egito (que podem durar de 5 à 25 minutos) incluindo as regiões próximas a Alexandria, Memphis, Delta do Nilo, Grande Mar de Areia, Planalto Giza, Oasis Faiyum e muito mais.

O modo que foi lançado dia 20 de Fevereiro apresenta algumas estátuas. O que os jogadores não esperavam é que a atualização viria com preparação para censura. Todas as estátuas que apresentam nudez tiveram suas partes íntimas censuradas sendo cobertas com conchas. E esse tipo de censura nem era usado no Egito Antigo, portanto está tomando conta da atenção dos fãs.

Alguns jogadores tem relatado que a censura aparece apenas nas estátuas. Os quadros, fotografias entre outras obras de artes que contém nudez não foram censurados. Podemos lembrar que no Brasil, Assassin’s Creed Origins é proibido para menores de 16 anos.

O modo Tour da Descoberta é completamente gratuito para quem possui Assassin’s Creed: Origins. Para jogadores de PC que não possuem Assassin’s Creed: Origins e querem experimentar o modo Tour, podem adquiri-lo separadamente na UPlay ou no Steam por R$59,99.

Assassin’s Creed: Origins está disponível para as plataformas PlayStation 4, Xbox One e PC.